Inscrições abertas Adicionar à agenda Inscrições abertas
fullPage

Convocação

Paulo Ziuokoski


Diariamente, nós gestores municipais temos de vencer desafios para atender às demandas da nossa comunidade e desenvolver uma boa gestão, mesmo com o atual cenário de desequilíbrio financeiro e de gestão. Essa situação tem se arrastado ao logo dos anos, e, se não houver a reformulação do pacto federativo, em um futuro próximo, será impossível administrar os Municípios sem comprometimentos legais, inclusive com a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Há anos, as prefeituras enfrentam um cenário de crise econômica, em que as demandas são maiores que os recursos. Agora, temos uma preocupação maior, pois se percebe que a recessão chegou também aos governos federal e estaduais, e – certamente – as medidas adotadas também vão trazer impacto ao Ente municipal. Isso, além das leis que são aprovadas pelo Congresso Nacional e sancionadas pela Presidência da República, as quais transferem mais encargos aos gestores municipais.

Diante da realidade de acúmulo de responsabilidades, de arrecadação menor que as demandas e de promessas não cumpridas, devemos nos unir e mostrar a força do movimento municipalista. Sempre que nos reunimos na Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, avançamos em busca de conquistas. Um exemplo recente disso foi a aprovação de mais 1% no Fundo de Participação dos Municípios (FPM), obtida no final de 2014. Mas não podemos parar, pois os desafios são muitos e só conseguiremos vencê-los se houver união, força e persistência.

Este ano, estaremos novamente reunidos na Capital Federal, na XVIII Marcha, nos dias 25, 26, 27 e 28 de maio. É mais uma oportunidade de se fazer história, de ir avante em nossas reivindicações e conquistar melhorias para os nossos munícipes. Não fique de fora. Municipalismo forte se faz com a participação de todos.

Convido todos os gestores municipais a anteciparem suas inscrições, que já podem ser feitas no site da CNM.

Paulo Ziulkoski
Presidente da CNM

simple

Maior evento político

A Marcha é um dos maiores eventos políticos do mundo. São mais de 5.000 autoridades presentes.

simple

Conhecimento

A CNM é a entidade que mais produz conhecimento municipalista do país. E é durante a Marcha que suas maiores publicações são lançadas.

Curta, comente, interaja

Facebook

Faça parte da Família Municipalista! Participe das redes sociais da CNM.

A Marcha é um evento pacífico e ordeiro em prol do desenvolvimento do país. Em seus 17 anos de existência, resultou em diversas conquistas para os Municípios, graças à união das entidades municipalistas estaduais e microregionais.

estaduais
Comercialização de estandes:
Ceame
Contato: Tel.: (11) 3063-5775
e-mail: dalva@ceame.com.br

Divulgação

Publicações

Outros

Leia as instruções e preencha o formulário abaixo:
Os pagamentos poderão ser feitos por meio de transferência ou depósito bancário. Os dados devem estar devidamente identificados pelo CPF do(s) participante(s) na conta-corrente do Banco do Brasil: Agência: 1004-9 | Conta-corrente: 5969-2 | CNPJ: 00.703.157/0001-83

  Contribuintes Não contribuintes
Prefeito(a) Isento Até 20/04: RS: 900,00
Após 20/04:R$ 950,00
Vereador Até 20/04: R$: 200,00
Após 20/04: R$: 300,00
Até 20/04: R$: 650,00
Após 20/04: R$ 750,00
Demais (Vice-prefeitos, primeira-dama, secretários) Até 20/04: R$: 200,00
Após 20/04: R$: 300,00
Até 20/04: R$: 750,00
Após 20/04: R$ 850,00


Os valores com desconto somente serão aceitos para comprovantes de pagamento até a data 20/4/2015.

Todos os comprovantes deverão ser enviados com a identificação do nome do participante, o CPF e o Município/UF para o fax (61) 2101-6080 ou para o e-mail: atendimento@cnm.org.br.

Em caso de dúvidas ou confirmação das inscrições, contate a equipe CNM pelo telefone (61) 2101-6655 ou pelo e-mail: atendimento@cnm.org.br

Para emissão do Certificado de Participação é exigido a presença mínima de 70% ao evento.

* Solenidade de abertura ou encerramento: Nos atos em que estiver presente a presidente da República, o auditório principal será prioritariamente reservado aos prefeitos, seguindo a ordem de chegada ao local, dadas as restrições estabelecidas pelo Cerimonial do Palácio do Planalto.